domingo, 29 de abril de 2012

Sem horas

Pequeno-almoço, em sossego, ao meio dia após ménage à quatre depois de muito tempo sem o fazer. É coisa para se ir fazendo, mas só lá de vez em quando. Já não tenho estofo para tanto, muitas vezes.
Baby ficou com os avós...
Hoje não preciso de olhar para o relógio. Sem horas. É bom.

Sem comentários:

Enviar um comentário

O que se diz por aí...