domingo, 26 de janeiro de 2014

O meu grau de vaidade

Acabado de sair da minha cabecinha pensadora - vulgo: córtex cerebral:

- UM HOMEM MAIS VAIDOSO DO QUE EU, DIFICILMENTE DARÁ UM BOM MARIDO.

-É ou não é de génio?
Moçoilas casadoiras, não digam que não avisei.

segunda-feira, 6 de janeiro de 2014

O Mundo muda...

Começamos a ver o mundo com outros olhos depois de limparmos os óculos... E tudo fica mais nítido... e é tão simples...

quarta-feira, 1 de janeiro de 2014

Um poema (1º dia do mês, 1º dia do ano)

Sou um guardador de rebanhos.
O rebanho é os meus pensamentos
E os meus pensamentos são todos sensações.
Penso com os olhos e com os ouvidos
E com as mãos e os pés...
E com o nariz e a boca.

Pensar uma flor é vê-la e cheirá-la
E comer um fruto é saber-lhe o sentido.

Por isso quando num dia de calor
Me sinto triste de gozá-lo tanto,
E me deito ao comprido na erva,
E fecho os olhos quentes,
Sinto todo o meu corpo deitado na realidade,
Sei a verdade e sou feliz.

Alberto Caeiro